Casamento Celta

Você conhece a cerimônia celta?

Sua origem vem de antes de Cristo e é inspirada no povo de mesmo nome e seus rituais e tradições.

Está é uma cerimônia com muito significado e traz a simbologia dos 4 elementos da natureza: Água, terra, fogo e ar. Além de envolver pessoas especiais para participar, é uma cerimônia que independe de religião.

Como é uma cerimônia celta?

A cerimônia consiste em 9 momentos:

1- Introdução: É o momento inicial da cerimônia, onde a ritualista fala com os convidados, para que eles se sintam bem-vindos e acolhidos, e fala também sobre a cerimônia, que respeita todas as religiões e que traz a bênção de Deus para o casal.

2- Entrada dos noivo: O noivo aguarda a noiva em um ponto de união, que é uma mandala (Personalizada para cada casal) pequena montada no chão um pouquinho antes da mesa de altar. Este caminho representa a vida dos dois, e quando se encontram no ponto de união, estão prontos para chegarem até o altar. O ponto de união representa o amor, e o altar representa o coração e a casa deles.

3- Acolhida: É a entrada das crianças. As meninas entram jogando pétalas no chão, que simboliza pureza e graça. Já os meninos atiram sementes, símbolos da prosperidade, e tocam sinos, que representam alegria.

4- Purificação: As mãos do casal são lavadas com água e sal. O sal serve como catalisador de energias negativas e a água representa a transparência e a conexão com Deus.

5- Oferendas: O casal escolhe dois amigos para que escrevam e leiam um texto sobre amizade para os noivos no altar , eles representam bondade e sabedoria. Neste momento, o casal troca de lugar com o celebrante, ficando de frente para os convidados.
Os padrinhos também participam, oferecendo objetos especiais aos noivos, como potes de sementes para trazer prosperidade, velas simbolizando sabedoria ou mandalas que simbolizam paz. Logo após, os noivos lerão uma carta de amor um para o outro, começando a oferenda do amor!

6- A palavra: Neste momento, é explicado a importância das alianças, e a entrega, geralmente, é feita pelas crianças da família.

7- Alianças: Neste momento, enquanto os noivos fazem uma leitura de agradecimento aos pais, os mesmos seguram as alianças. Em seguida, a família do noivo entrega a aliança a noiva e vice-versa, simbolizando o acolhimento das familias.

8- Troca de aliança: Neste momento, 4 objetos são colocados sobre a mesa do altar para representar os elementos da natureza: Um prato de sal representando a terra, um cálice representando a água, a fumaça do incenso representando o ar e uma vela simbolizando o fogo e a chama do amor.
Esses elementos abençoam o casal e as alianças são lavadas com uma água consagrada preparada especialmente para aquele dia. Finalmente, ocorre a troca de alianças pelos noivos.

9- Bênção final: A ritualista os declara unidos pelo poder do amor e da escolha. E, finalmente, o noivo pode beijar a noiva!

Esse é um momento de amor e participação da família e amigos, e que torna esta cerimônia ainda mais especial, alegre e emocionante!
Este é um ritual totalmente ligado à natureza, por isso, é feito ao ar livre e com paisagens naturais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *